www.jardineirasdeplantao2.blogspot.com


sexta-feira, 21 de novembro de 2014

Guirlanda de Natal Reciclada

Esse ano estou com a proposta de realização coletiva de uma guirlanda de jornal. Simplesmente vou levar o círculo de papelão (caixa de pizza) e os meus pequeninos vão fazer bolinhas de jornal amassado para envolvê-la, e para finalizar tampinhas de garrafa para bolas e laço de TNT. Esse vai ser o nosso enfeite de porta natalino.
Quem sabe um desenho deles no centro do arranjo?






Video para trabalhar o sentido do Natal na Escola

Quem tem o costume de assistir ao canal Disney Junior conhece a princesinha Sofia. Ela sempre tem um ensinamento a deixar quanto aos valores: respeito, amor e amizade. Assim, nesse episódio ela dá mostras que o Natal é dividir, compartilhar, preocupar-se com os outros...
O interessante é que são histórias curtas, chamativas, coloridas e interessantes. Por que ninguém merece filmes longos. Pra quem consegue se concentrar ótimo, mas e os demais? Como ficam?
Resumidamente... o pai dela sofre um acidente voltando para o castelo na noite de Natal, com mais presentes para os filhos, além dos que já possuem, toda a família sai a sua procura numa fria noite de nevasca e acabam que todos se confraternizam juntos num lar bem humilde e doam os presentes para os que lá moram. É lindo!!! O título é : Feriado em Encântia.



Adquiri esse DVD nas lojas americanas, mas de repente, pode ter a possibilidade de baixar o desenho da internet.

terça-feira, 11 de novembro de 2014

Mural: Pluralidade Cultural e Consciência Negra

Ao contrário do que muitos pensam e conforme ratifica o documento oficial: Lei de Diretrizes e Bases da Educação, esse tema deve ser trabalhado o ano inteiro e não apenas nesse mês. Nesse enfoque há vários autores e obras infantis que ressaltam o valor e a significância da cultura, da beleza, gastronomia e herança deixada pelos povos africanos.
Nesse sentido, trabalhamos o livro: Peppa, uma garota de cabelos longos e cacheados que resolve alisar o cabelo para ficar mais bonita, de acordo com os modismos e estereótipos pregados pela mídia e logo depois se arrepende do que fez. Muito lúdica, interessante e ao nível da Educação Infantil.
Assim, coletivamente elaboramos com colagens diversos tipos de cabelo: picotes de EVA, jornal, espiral, isopor, areia, TNT, dentre outros...


Aproveitamos também para conhecer um pouco mais sobre as savanas, especificamente sobre o elefante africano: 
Sua alimentação é baseada em folhas de plantas e árvores, podendo consumir até 225 kg de folhas diariamente. Também podem beber cerca de 200 litros de água por dia. A digestão do alimento não é completa, o que significa que sementes das plantas consumidas podem passar por todo o trato digestivo sem serem destruídas. Isto contribui para a dispersão das sementes, que crescerão em meio às fezes do elefante - que é altamente nutritiva para as plantas.

Mesmo sendo um animal muito grande e pesado, o elefante pode se movimentar com uma velocidade espantosa para o seu tamanho, cerca de 40 km/h, ou seja, duas vezes mais rápido do que o homem. Seus pés são protegidos por uma espécie de “almofada”, que o ajuda a arcar com seu peso.

Em sua tromba, existem 40 mil músculos e tendões, o que a torna forte e muito flexível, permitindo com que esses animais controlem a sua tromba com extrema habilidade. Suas presas, também chamadas de marfins, são na verdade, dois dentes que cresceram demais. Muitos caçadores costumam serrar esses dentes para confeccionarem colares, anéis e brincos.




Obs: O corpo do elefante nada mais é que embalagem de margarina de 250 g, nas quais foram feitas colagens de jornal picado e logo após uma demão de tinta, cabeça e tromba de bola de jornal.

segunda-feira, 10 de novembro de 2014

Pequena Mostra de Gustavo Rosa

"Venerados são os grandes artistas brasileiros. E eles são muitos. Estão cada vez mais presentes nas galerias e museus do mundo inteiro. São incansavelmente trabalhadores, apesar dos títulos de artistas, escultores ou artesãos. Em muitas obras é a assinatura que faz a diferença, pois agregada a ela está o talento do autor, suas experiências, conhecimentos, habilidades e, é claro, a contribuição dos críticos. Um quadro de Gustavo Rosa une todos esses atributos, mas inclui também seu espírito paulistano e um estilo autêntico. Sua história tem sido traçada desde sua infância."









Viram como a obra dele é alegre, colorida,geométrica, parecida com o traçado infantil? E o principal, parte da realidade, coisas simples, cotidianas....
Quem sabe fazendo esse tipo de projeto estará despertando mais artistas que estão no anonimato espalhados por aí nessa imensidão do Brasil?????

sábado, 8 de novembro de 2014

Releitura de Obra Artística: Escultura


Além de reproduzirmos a obra do gato de Gustavo Rosa, resolvemos criar uma escultura para que também sirva de brincadeira de boliche. Primeiro escolhemos a caixa, pintamos, recortamos o espaço da boca, e fomos complementando as outras partes do bichinho com papelão.





As crianças se divertiram bastante ajudando no processo de pintura, colagem e organização da sala.... e por último na hora de brincar que foi a parte mais interessante para eles. Lógico!!!
Aguardem!!!!


Releitura de Obra Artística: Gustavo Rosa

Na escola em que trabalho, a cada ano um artista é contemplado para estudos e pesquisas em torno de suas obras, nesse ano está sendo Gustavo Rosa, que possui uma obra parecida com a infantil, muitas cores, figuras geométricas, muita vida e crítica social abordando estereótipos de beleza, dentre outros. Muito interessante! Vale a pena conferir!!!
Como gostei bastante de trabalhar com transparências, repeti a dose e deu certo. Aliás, ainda está em processo de construção...






Artes na Educação Infantil

No mês da criança trabalhamos uma literatura vasta sobre quem é a criança, seus gostos, preferências, habilidades. Baseado nessa temática, várias atividades foram realizadas para retratar essa fase maravilhosa que é a infantil. O livro: "Vida de Criança"( - autora dos livros sobre o "mundinho" -) Ingrid B.  foi retratado dessa forma, conforme planejamento coletivo para as turmas de 1º período.












Assim, quem disse que transparências são usadas apenas para projetar algum conteúdo?
Nesse caso, são transparências, pincel marcador, que fixa e não mancha ao manusear e cola colorida. Segura no tubinho ou com o próprio dedinho. Simples assim!!!!

A atividade central dos professores atualmente é desconstruir para construir, sim, os professores precisam aprender a rever sua prática, metodologia, abordagem, inclusive o reaproveitamento de outros recursos e materiais, sobretudo os de reciclagem.